Você está aqui: Home Polícia Pecuarista é assassinado no Ramal do Mutum

Polícia

Pecuarista é assassinado no Ramal do Mutum

Fazenda fica localizada no Km 5: terror na zona rural

Mesmo entregando as chaves da caminhonete, a carteira com dinheiro e aparelhos de telefone celular, um pecuarista foi assassinado no Km5 da Estrada do Mutum, periferia de Rio Branco.

As marcas de sangue que estão no chão da porteira da fazenda mostram onde começou a violência. Alessandro Picione Pacheco, 34, foi baleado assim que chegou à propriedade por volta das 21h dessa quinta-feira (13). Ele chegou acompanhado da esposa que está grávida de seis meses e o filho de sete anos de idade.

A família ficou cercada por dois homens armados e, mesmo o fazendeiro pedindo por sua vida e da família, ele levou o primeiro tiro na porteira. Em seguida, foi obrigado a caminhar até a sede da fazenda que fica a 50 metros. Quando chegaram à casa, Alessandro reagiu e foi baleado novamente. Os bandidos ainda usaram uma faca para tirar a vida do pecuarista.

A esposa da vítima, desesperada, buscou ajuda. Mas, para isso, atravessou o pasto da fazenda até chegar à propriedade vizinha. Com a ajuda do vizinho, Alessandro foi colocado na camionete e levado para o Pronto Socorro de Rio Branco, mas já chegou sem vida.

Os bandidos levaram apenas dois celulares, deixaram para trás o veículo da família ou qualquer outro bem.

Nessa sexta-feira, amigos foram ajudar a esposa que está tão abalada que ainda não foi à delegacia. Ela viu os rostos dos homens que mataram seu marido e pode informar como foi a conversa da vítima com os matadores.

O crime tem indício de execução, mas o delegado responsável pelo inquérito, Odilon Amaral, vai seguir como primeira linha de investigação o latrocínio, que é o roubo seguido de morte. “Isso não impede que possamos seguir outra linha. Estamos levantando toda a vida da vítima e esperando que a esposa venha depor para que possamos começar as investigações”, apontou.

Alessandro Picione era natural de Juína, no Mato Grosso. Há duas semanas, os pais de Alessandro tinham lhe visitado na fazenda.

agazeta logotipoAv. Antônio da Rocha Viana, 1.559
Vila Ivonete - Cep. 69.914-610
Rio Branco - Acre
Tel.: (68) 2106-3050
Fax: (68) 2106-3081

Fique Conectado