Você está aqui: Home Política Audiência pública retoma problemática do trabalho infantil

Política

Audiência pública retoma problemática do trabalho infantil

617 crianças trabalhavam em casas de farinhas em 2017

Em alusão ao dia mundial contra o trabalho infantil, celebrado em 12 de junho, foi realizada uma segunda audiência pública para tratar do tema na região do Juruá. O evento foi realizado no Teatro dos Nauas, em Cruzeiro do Sul.

Na ocasião foram divulgados dados de um levantamento realizado pela Secretaria de Estado e Desenvolvimento Social (Seds) no ano de 2017. 446 famílias foram visitadas, onde 858 crianças foram encontradas em casas de farinhas, dessas, 617 estavam em situação de trabalho infantil.

A primeira audiência foi realizada em outubro do ano passado para discutir sobre essa temática, que apesar de ser cultural na região, é uma pratica ilegal.

A estratégia da audiência é focar junto ao governo municipal e estadual, em políticas públicas que retirem crianças e adolescentes da situação de trabalho infantil. “O Ministério Público do Trabalho está aqui para fomentar a produção e a execução de políticas públicas pelos municípios do Vale do Juruá para o combate do trabalho infantil nas casas de farinha, principalmente, mas de uma forma geral,” explicou Anderson Correa Silva, procurador do MPT.

Apesar do foco do evento ser o trabalho infantil nas casas de farinha, o aliciamento de jovens para o mundo do crime também foi debatido durante a audiência, “nós queremos que a promoção de políticas públicas vá atacar não só o problema do trabalho infantil, mas também a situação da criminalidade que hoje é uma tragédia na região,” completou Anderson.

agazeta logotipoAv. Antônio da Rocha Viana, 1.559
Vila Ivonete - Cep. 69.914-610
Rio Branco - Acre
Tel.: (68) 2106-3050
Fax: (68) 2106-3081

Fique Conectado