Você está aqui: Home Política Planos de Governo são apresentados à Justiça Eleitoral

Política

Planos de Governo são apresentados à Justiça Eleitoral

Propostas são detalhadas e comparadas para o eleitor

O site AGazeta.Net expõe as propostas dos candidatos ao Governo do Acre que foram formalizadas junto à Justiça Eleitoral. É feito um recorte em temas fundamentais para a gestão pública e quais as ideias que os cinco nomes que pleiteiam o cargo têm.

O site AGazeta.Net inicia a exposição por aquilo que se entende de fundamental nas relações humanas: a Cultura. Mas, não pense o leitor que essa seção da gestão pública limita-se à produção teatral, cinematográfica, artesanal, literária. Definitivamente, a ideia de Cultura não se restringe a isso.

A Cultura é aqui entendida como toda forma de expressão humana, seja na produção agrícola, nas relações políticas, nas relações entre produção e meio ambiente, na relação entre o meio e as expressões artísticas, nas relações econômicas. Tudo isso é “Cultura”. Em última instância, tudo é Cultural. Expressar isso em um Plano de Governo; permear todas as ações de gestão tendo isso como referência não é fácil. Exige mudança de concepção.

Mudança e Competência

Partindo desse princípio, o candidato que está à frente nas pesquisas, Gladson Cameli, possui um entendimento grave a respeito do assunto. No Plano de Governo “Mudança e Competência”, ele demonstra limitada concepção a respeito de “Cultura”. Já se percebe isso pela inserção do assunto no Eixo Temático “Assistência Social, Cultura e Turismo”.

Vê-se que a concepção da ideia de “Cultura” se aproxima de uma espécie de “bibelô”, inserido no Plano a fórceps. O candidato propõe a criação de um ambiente virtual que possibilite interação, acesso e participação do cidadão com os bens culturais.

Há alguns pontos que são pouco detalhados. Como, por exemplo, “criar e implementar políticas de resgate de cultura cívica e História do Acre”. O que seria isso, na prática: voltar a cantar hino do Acre antes das aulas em escolas públicas?
Das oito propostas mais pragmáticas de Gladson, duas chamam atenção: Normatizar lei de Patrimônio Cultural e Implantar o Sistema Estadual de Museus.

União e Inovação

O candidato da Frente Popular, Marcus Alexandre, ao menos no argumento, tenta estender o conceito de “Cultura”, mas, na prática, também bloca as propostas no Eixo temático “Desenvolvimento Social: Serviços Básicos e Inclusão”. Mas, percebe-se o esforço em tornar a ideia de “Cultura” transversal a toda ação de governo. Ao menos no plano “União e Inovação”, apresentado à Justiça Eleitoral.

O texto lembra o que já foi implementado pelas gestões da Frente Popular que fortaleceram a identidade do povo acriano. E apresenta o desafio: interiorizar as ações de governo. “No campo da gestão do sistema, a ampliação do financiamento por meio dos Editais de Incentivo, consolidação do Plano Estadual e do Fundo Estadual de Cultura”.

No texto apresentado, um trecho acaba mostrando a tentativa de dizer que as ações da gestão pública são, por essência, expressões de cultura. “Reconhecer a Cultura como transversal a todas as políticas sociais”.

Segurança para Mudar

O programa de governo do candidato Ulysses praticamente ignora o assunto. No sumário do Plano de Governo “Segurança para Mudar”, não há nenhuma referência ao assunto.

Rede Sustentabilidade

A Rede Sustentabilidade, da candidata Janaína Furtado, não apresenta propostas sobre o assunto. Há exposição de 18 tópicos genéricos. Não se pode dizer que o que foi apresentado seja um “Plano de Governo”. A impressão que passa é que a Rede Sustentabilidade decidiu não incluir o debate sobre a formulação do documento como uma peça para explicar os programas que pretende implementar.

Avante

No programa do partido Avante, o assunto é abordado como forma de revitalização de espaços públicos. “Existem espaços simbólicos onde ocorreram eventos culturais no passado que hoje encontram-se completamente abandonados, como, por exemplo a concha acústica”.

agazeta logotipoAv. Antônio da Rocha Viana, 1.559
Vila Ivonete - Cep. 69.914-610
Rio Branco - Acre
Tel.: (68) 2106-3050
Fax: (68) 2106-3081

Fique Conectado