Sindicato dos Urbanitários busca cumprimento de acordos

Representante entrou na justiça contra Energisa

Após muitas demissões que vem acontecendo na Eletroacre, agora administrada pelo grupo Energisa, o Sindicato dos Urbanitários resolveu entrar na justiça.

Marcelo Jucá, presidente do sindicato, declarou que a companhia elétrica não vem cumprindo os acordos firmados no contrato e já demitiu até funcionários que estavam próximos de se aposentar. De acordo com ele, mais de 400 pessoas foram mandadas embora.

O sindicalista descartou a greve, mas afirma que os trabalhadores estão preocupados, tendo em vista que não há garantias de manutenção dos empregos. Segundo Marcelo, até a qualidade do serviço oferecido fica prejudicada com toda essa situação.