agazeta.net

Mesa da Câmara manobra para beneficiar base do prefeito

Vereadores da oposição abandonaram plenário em protesto

Os vereadores de oposição decidiram fazer uma manifestação contra a Mesa Diretora e abandonaram o plenário durante a sessão dessa terça-feira. Apenas uma parte dos parlamentares ficou nas cadeiras até o fim da sessão.

O descontentamento começou quando foi publicada a lista dos vereadores que poderiam usar o grande expediente, que é o maior espaço na tribuna, onde os parlamentares podem usar para apresentar suas demandas, criticar e elogiar o serviço público. Na lista, estavam apenas os vereadores da base do prefeito. A oposição ficou sem voz e sem vez.

Segundo a vereadora Lene Petecão, existe uma dobradinha entre o vereador Rodrigo Forneck do PT e Eduardo Farias, líder do prefeito. “Geralmente ou um, ou outro, ficam por último na ordem dos discursos. Assim, podem rebater críticas e atacar os adversários e a oposição não tem como rebater”, reclamou.

Mesmo sem os vereadores presentes, o líder do prefeito, Eduardo Farias (PCdoB) não deixou de atacar a oposição. Farias disse que ao abandonar a sessão os parlamentares faltaram com respeito aos servidores da Câmara que preparam a lista dos vereadores que irão usar a tribuna. “É um verdadeiro desrespeito com a dignidade dos servidores, e, além disso, os parlamentares deixaram de cumprir seu papel”, relatou.

Os vereadores de oposição prometem abandonar as sessões se não houver mudanças na lista das pessoas que podem usar a tribuna no grande expediente, que dá um tempo de 10 minutos para cada vereador.